40 milhões de euros em apoios sociais às famílias da Região

Montante pago no Apoio ao Cuidador e Complemento Solidário para Idosos cresce 23,2% e 12,9%, respetivamente 10-01-2017 Inclusão e Assuntos Sociais
40 milhões de euros em apoios sociais às famílias da Região A Secretaria Regional da Inclusão e dos Assuntos Sociais (SRIAS), através do Instituto de Segurança Social da Madeira (ISSM), priorizou e promoveu a igualdade social e respondeu às necessidades particulares dos cidadãos em situação de carência socioeconómica, tendo, para o efeito, atribuído, aproximadamente, 40 milhões de euros em prestações e apoios sociais em 2016.
O Subsídio de Apoio ao Cuidador, regista, de entre as prestações do Sistema de Segurança Social e do Subsistema de Ação Social, o maior crescimento do montante pago, na ordem dos 526 mil euros, representando +23,2% quando comparado com o ano anterior.
“Este crescimento vai ao encontro da prioridade e orientação política no que concerne ao apoio às famílias e aos idosos, no sentido, sempre que possível, da manutenção dos nossos idosos no seu espaço de vivência e de afeto”, realçou Rubina Leal, tutelar da pasta da Segurança Social.
No mesmo sentido, o ISSM acrescentou quase 500 mil euros (+12,9%), quando comparado com 2015, ao montante pago aos mais de 3 mil beneficiários do Complemento Solidário para Idosos (CSI).
Ainda no que respeita a medidas de apoio aos idosos e respetivas famílias, embora à margem do montante global das prestações e apoios em apreço, o ISSM atribuiu, por via do Banco de Ajudas Técnicas e Apoios Pecuniários à Aquisição de Medicamentos, 670 mil euros em 2016, representando +12% em relação a 2015.
Por último, a Segurança Social aumentou, em linha com a prossecução de políticas conducentes a uma maior coesão e justiça social, os montantes pagos em Subsídios Eventuais a Famílias em Carência e Rendimento Social de Inserção.