SRAP recupera campos experimentais

RIEDA - Rede de Investigação, experimentação e Demonstração Agronómica. 15-02-2017 Agricultura e Pescas
SRAP recupera campos experimentais A secretaria regional de Agricultura e Pescas tem em curso a recuperação de vários campos experimentais, nas áreas de fruticultura, horticultura e floricultura. São polos de desenvolvimento e investigação espalhados um pouco por toda a ilha, nomeadamente em Santana, Ponta de Sol e Funchal.
O objetivo passa por promover a identificação, e recolha de variedades frutícolas, hortícolas e florícolas reconhecidamente da Madeira e do Porto Santo, bem como proceder à sua caracterização e conservação do património.
Para o secretário regional de Agricultura e Pescas, a revitalização destes polos reveste-se de grande importância para assegurar a manutenção de coleções vivas (pés-mãe) das espécies frutícolas, hortícolas e florícolas da Região. “Temos que ter material vegetativo suficiente para ajudar os nossos agricultores e acima de tudo assegurar a continuidade das nossas culturas características como as anoneiras, maracujazeiros, abacateiros ou mangueiros” disse Humberto Vasconcelos adiantando que os campos experimentais vão desenvolver testes com vista a perceber a adaptação de várias culturas às alterações climáticas bem como a resistência a pragas e doenças. “Há que saber proteger e potenciar as características dos nossos produtos para que depois possam dar mais rendimento ao agricultor. Podemos não produzir em quantidade, mas podemos produzir com qualidade superior”. 
A produção biológica não foi esquecida e além do acompanhamento técnico ao agricultor, através dos campos experimentais será possível disponibilizar sementes para os agricultores que estejam em processo de conversão para o modo de produção biológico.

Escola Agrária e Turismo

Além da componente de investigação associada a estes campos, o Governo Regional irá servir-se dos campos experimentais no apoio a sessões práticas das formações a ministrar pela Escola Agrícola da Madeira. Também será conferido aos diferentes campos experimentais novas dinâmicas que terão mais-valias para a educação e turismo. “A Agricultura na Madeira é importante para o nosso turismo. É a Agricultura que assegura parte da beleza das nossas paisagens. Por outro lado, pela experiência que temos no centro de bananicultura na Ponta de Sol, sabemos que são áreas que os turistas gostam de visitar e conhecer”, concluiu Humberto Vasconcelos.