Escolas de São Martinho sensibilizadas para os riscos naturais e tecnológicos

No âmbito do projeto "Segurança em Casa, na Rua e na Escola", realizaram-se, na passada segunda-feira (9 de janeiro), intervenções em quatro escolares desta freguesia. 11-01-2017 Gabinete do Secretário Regional de Educação
Escolas de São Martinho sensibilizadas para os riscos naturais e tecnológicos No âmbito do projeto "Segurança em Casa, na Rua e na Escola", que resulta de uma parceria entre a Secretaria Regional de Educação, o Serviço Regional de Proteção Civil e a Associação Insular de Geografia, realizaram-se, na passada segunda-feira (9 de janeiro), intervenções em quatro estabelecimentos escolares, nomeadamente na EB1 PE de São Martinho, nos infantários O Canto dos Reguilas e Planeta das Crianças, e na Escola Profissional Francisco Fernandes.

A intervenção, coordenada pelos técnicos das instituições parceiras, objetiva a criação de hábitos e de uma cultura de segurança nas escolas que envolva toda a comunidade escolar – alunos, docentes, não docentes e encarregados de educação – e consta de exercícios de evacuação, briefings de segurança e de ações de sensibilização acerca da temática da prevenção e emergência face aos riscos tecnológicos e naturais.

O treino de algumas situações de emergência permite também testar a vertente operacional dos Planos de Prevenção e Emergência das escolas, o que é particularmente importante em estabelecimentos com crianças de idades mais baixas – infantários –, pois a sua perceção e reação a uma situação de alarme é mais dependente dos adultos e, como tal, todos os procedimentos devem estar automatizados e treinados. Assim, este treino de algumas situações de emergência, neste caso relacionadas com incêndio no edifício, ajuda a colmatar dificuldades e a desenvolver comportamentos e procedimentos apropriados perante essas situações por todos que compõem a comunidade escolar.

Estas intervenções pretendem reforçar o trabalho dos delegados de segurança que existem em cada escola, docentes que mantêm a segurança contra incêndio e riscos naturais como questões presentes e treinadas por toda a comunidade escolar.

No âmbito do projeto "Segurança em Casa, na Rua e na Escola", foram já abrangidas todas as escolas, públicas e privadas, dos vários concelhos e níveis escolares da RAM, com 635 intervenções e cerca de 33 500 pessoas alcançadas.

Nesta segunda ronda pelas escolas, ainda durante este mês de janeiro, estão agendadas intervenções na EB1 PE e Creche de São Gonçalo (dia 16) e na EB1 PE e Creche do Porto Moniz - polo do Seixal (dia 24).