Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Faixa corta-fogo com 200 hectares intervencionados

Presidente do Governo visitou área entre a Ribeira das Cales e o Estádio do Nacional 03-03-2020 Presidência
Faixa corta-fogo com 200 hectares intervencionados

O Presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, visitou terça-feira, 3 de março, os trabalhos em curso, em áreas limítrofes do concelho do Funchal, para a criação de uma faixa corta-fogo de proteção à cidade, tendo em vista a salvaguarda das populações e dos seus bens.

O Chefe do Governo recordou que os trabalhos iniciados há já dois anos exigem tempo, trabalho continuado e sentido estratégico.

“São áreas muito grandes. Exigem muta limpeza, muita intervenção, muito trabalho humano e muito investimento”, vincou Miguel Albuquerque.

O líder do executivo indicou que desde o início dos trabalhos já foram intervencionados 200 dos 640 hectares entre a zona do Caminho dos Pretos e a Ribeira das Cales.

“Como podem constatar, desde o campo do Nacional, até aqui, à Ribeira das Cales, as infestantes foram todas limpas e substituídas por vegetação autóctone”, indicou Miguel Albuquerque na visita à área intervencionada, no âmbito da medida de prevenção contra incêndios florestais.

Referir que se encontra em curso a construção de um grande tanque de apoio ao combate a incêndios. O projeto inclui ainda uma rede hídrica de grande capacidade, bem como caminhos florestais para a circulação dos bombeiros e respetivos meios.

Quando concluída, a ‘zona tampão’ assegurará, não só uma mancha florestal com espécies mais resistentes a incêndios, mas também uma redução da carga combustível e o risco de propagação de incêndio.

A faixa corta-fogo constitui uma medida relevante no âmbito das políticas de prevenção e de salvaguarda da cidade.



Anexos

Descritores