Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Albuquerque apela à limpeza das florestas

Limpeza das serras é para prosseguir toda a Região. E a população, apela Miguel Albuquerque, deve ajudar, limpando os terrenos em redor das suas habitações. 29-01-2021 Presidência
Albuquerque apela à limpeza das florestas

O presidente do Governo Regional diz que as obras de limpeza florestal vão prosseguir em toda a Região, nomeadamente na costa sul, sublinhando o trabalho que está a ser feto nas serras de Santo António e de São Roque e que já foi feito no concelho de Santa Cruz.

Miguel Albuquerque falava durante visita que fez, hoje, de manhã, à obra de implantação da faixa corta-fogo no Funchal.

No entanto, lembrou o governante, a Região tem um problema que é «o facto de grande parte dos terrenos não serem públicos, serem sim pertença de privados». «E é nesses terrenos que estão a proliferar as infestantes, altamente combustíveis, como as acácias e os eucaliptos», acrescenta.

Para além dessa questão, há ainda a avaliar a situação financeira: «É uma obra monumental. Tudo isto custa muito dinheiro. Só esta intervenção que visitámos vai custar 2,141 milhões de euros. Vamos continuar a investir bastante na limpeza florestal e na proteção contra os incêndios, mas esta era a obra mais importante a concretizar, nesta área, neste momento».

Lembrando que «os últimos incêndios puseram em risco unidades de saúde, habitações», o governante sublinha que o Governo Regional já está, em pleno inverno, a fazer as intervenções necessárias, aproveitando para voltar a alertar «a população para que limpem os terrenos em redor das suas casas, os seus quintais….

«Para que possamos, quando vêm as ondas de calor, que são cada vez mais intensas, e os ventos, termos a situação controlada», concluiu.


Anexos

Descritores