Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

Criado Núcleo do Conservatório em São Vicente 

Presidente do Governo enalteceu o facto da formação musical dirigida aos jovens estar agora assegurada em todos os concelhos da Região  13-01-2023 Presidência
Criado Núcleo do Conservatório em São Vicente 

«Nós somos pioneiros no país, e bem, na formação musical descentralizada. não há nenhum jovem da Madeira que fique impedido de frequentar a sua formação musical ou ter aulas de música por residir fora do Funchal». 

A mensagem proferida esta tarde, no concelho de São Vicente, pelo Presidente do Governo Regional, por ocasião da abertura do Núcleo de Salas do Conservatório – Escola Profissional das Artes da Madeira, na antiga sala polivalente da Piscina de São Vicente. 

O espaço, pouco utilizado, foi reconvertido, tendo em vista a nova funcionalidade, oferecendo, agora, quatro salas de aula, área de secretariado e de espera para alunos e encarregados de educação e ainda um espaço dedicado a exposições temporárias, através de um investimento na ordem dos 116 mil euros. 

Miguel Albuquerque salientou que, com a nova infraestrutura, a Região passa a assegurar oferta na área da formação musical em todos os concelhos, tendo sublinhado, na ocasião, a importância da mesma para os jovens. 

«É muito importante nós ministrarmos estas aulas aos nossos jovens, porque a formação musical faz parte da formação integral do indivíduo», disse o governante. 

O líder do Executivo lembrou que, quer a criação de infraestruturas dedicadas ao ensino da música em todos os concelhos, quer o facto de hoje muitos antigos alunos do Conservatório apresentarem nos seus currículos trabalho e também reconhecimento a nível internacional – o que coloca a Região como uma referência nacional no ensino e na formação musical – é fruto de um esforço de investimento público ao longo dos anos. 

Miguel Albuquerque relevou ainda o facto de as novas instalações estarem localizadas junto aos estabelecimentos de ensino do concelho, promovendo, assim, o fácil acesso das crianças e jovens do concelho. 

Para já, as novas instalações servirão 25 alunos e oito professores, abrangendo formação em piano, violino, violoncelo, acordeão, percussão, saxofone, entre outros. 


Anexos

Descritores