Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Dia decisivo para os Madeirenses e Porto-Santenses

Vice-presidente do Governo Regional lembrou a importância da votação de hoje, na Assembleia da República, de duas propostas que permitirão à Região se financiar e apoiar as empresas regionais. 04-06-2020 Vice-Presidência
Dia decisivo para os Madeirenses e Porto-Santenses

“Hoje é um dia decisivo para os Madeirenses e Porto-santenses”, defendeu o Vice-presidente do Governo Regional, Pedro Calado, a propósito da votação, na Assembleia da República, de duas propostas submetidas pelo PSD e pelo CDS, que determinam o adiamento do pagamento das próximas três prestações do PAEF – num total de 144 milhões de euros, garantindo liquidez imediata à Região para socorrer às despesas de apoio à saúde pública, à economia e à área social –, e outro que valida a permissão, por parte daquela  Assembleia, para que a Região possa fazer uma operação ativa de financiamento.

Durante a sua intervenção no Plenário regional, para apresentação de um decreto legislativo regional que adota à Região um acervo de legislação nacional produzida no âmbito das medidas de mitigação e combate da doença COVID 19, o Vice-presidente lembrou tratar-se de duas propostas que se apresentam como essenciais à revitalização da economia regional e que corroboram todo o empenho do Governo Regional para acudir à população, bem como a todo o setor empresarial.

Na ocasião, o governante afirmou, ainda, que “hoje saberemos quem é coerente com o eleitorado que o elegeu e quem, efetivamente, está ao lado da defesa das reivindicações da nossa população”.

Da parte do Governo Regional, assegurou Pedro Calado, a população poderá ter a certeza que o Executivo Regional continuará a empenhar-se, “com sinceridade, dedicação e ambição, e por tudo isso, enfrentará com tranquilidade o julgamento dos Madeirenses”.