Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Plano de Recuperação e Resiliência da RAM apresentado

Vice-presidente do Governo Regional espera que a primeira tranche deste apoio chegue até outubro 23-02-2021 Vice-Presidência
Plano de Recuperação e Resiliência da RAM apresentado

O Vice-presidente do Governo Regional, Pedro Calado, apresentou, esta tarde, as linhas mestras do Plano de Recuperação e Resiliência da Região, que reserva para a Madeira verbas no valor de 770 milhões de euros e tem por objetivo apoiar a concretização de investimentos e reformas que capacitem a economia regional, tornando-a mais resiliente e mais bem preparada para o futuro.

São áreas prioritárias de investimento, a saúde, o apoio e as respostas sociais, bem como a habitação, com mais de 308 milhões de euros reservados, mas também os recursos hídricos, no que diz respeito à canalização, retenção e distribuição da água; as energias renováveis; a digitalização da Administração Pública, no âmbito da educação, da saúde, do mar e pescas, da modernização administrativa, dos serviços gerais.

As empresas regionais, que já beneficiaram de apoios superiores a 164 milhões de euros através do Orçamento Regional de 2020/2021, vêm contemplados neste Plano, mais auxílios de 162 milhões de euros. O objetivo, explicou o vice-presidente, é ajudar os empresários em dificuldades a assegurar liquidez suficiente para poderem ir mantendo e preservando as suas empresas, a capacidade produtiva e protegerem os empregos.

O governante acredita que a primeira tranche do Plano de Recuperação, no montante de 73 milhões de euros, poderá chegar até outubro.