Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

Gaula foi capital do folclore por um dia com o festival “Baila que Baila”

As tradições ainda estão bem vivas a julgar pelo ambiente que se viveu ontem, sexta-feira, 26 de agosto, na freguesia de Gaula, com o festival de folclore a animar os cerca de 200 convidados presentes. 29-08-2022 Inclusão Social e Cidadania
Gaula foi capital do folclore por um dia com o festival “Baila que Baila”

Foram vários os momentos de entretenimento que mostraram ao público presente que o folclore permanece intacto na agenda cultural da região.  

 

A terceira edição do festival “Baila que Baila”, dinamizado pela Casa do Povo de Gaula, trouxe cinco grupos folclóricos que exibiram com muita animação a sua identidade cultural, revestida de cores e música.

 

“A Casa do Povo de Gaula está de parabéns, por este fantástico evento”, começou por referir a Secretária Regional, Rita Andrade, que realçou ainda a qualidade destas iniciativas, pois “mantêm vivas as tradições e promovem momentos tão ricos de partilha de culturas e saberes”.

 

Rita Andrade realçou ainda o dinamismo da Casa do Povo e da sua direção, representada por Miquelina Faria, enaltecendo o trabalho diário de todos os colaboradores da instituição. A comprovar esse mesmo dinamismo, a Secretária Regional deu, como exemplo, o sucesso deste festival realçando a capacidade da Casa do Povo em organizar um festival desta dimensão “com uma moldura humana fantástica”.

“Podem contar com o apoio do Governo Regional para edições futuras deste festival”, assegurou a Secretária Regional com a tutela do Desenvolvimento Local.

 

Estiveram presentes cinco grupos folclóricos, nomeadamente: da Beira (Ilha de São Jorge – Açores), Casa do Povo de Gaula, Casa do Povo de Santa Cruz, Grupo de Folclore do Rochão e Grupo de Folclore Cultural e Recreativo da Quinta Grande.

 

Todos os grupos participantes receberam troféus por parte das entidades oficiais presentes, tendo havido também lugar a uma homenagem ao responsável do Grupo de Folclore da Casa do Povo de Gaula, Manuel Sena, e à Casa do Povo de Gaula, anfitriã deste evento, que vai ganhando cada vez mais destaque na freguesia. Destaque ainda para a homenagem surpresa à tesoureira da Casa do Povo local, Sónia  Gonçalves, que recebeu o troféu de forma emocionada pela ovação geral que se fez sentir no auditório Salão Paroquial de Nossa Senhora da Luz.

 


Anexos

Descritores