Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Secretário regional de Mar e Pescas entrega certificados de formação

Cerca de meia centena de funcionários da Direção Regional das Pescas estão agora mais bem preparados para o desempenho das suas funções, depois de terem participado numa ação de formação profissional de “boas práticas de higiene e segurança alimentar nas lotas, postos de receção de pescado e entrepostos frigoríficos”. 21-06-2020 Mar e Pescas
Secretário regional de Mar e Pescas entrega certificados de formação

Cerca de meia centena de funcionários da Direção Regional das Pescas estão agora mais bem preparados para o desempenho das suas funções, depois de terem participado numa ação de formação profissional de “boas práticas de higiene e segurança alimentar nas lotas, postos de receção de pescado e entrepostos frigoríficos”.


A ação foi promovida pela Escola Agrícola da Madeira e o plano de formação teve a duração de 16 horas, envolvendo uma componente teórica e outra prática. Sensibilizar os funcionários que trabalham nas áreas referidas para a “importância da higiene e utilização de comportamentos adequados”, foi o foco principal da formação.


A formação profissional foi dividida em três sessões, tendo decorrido ainda sob a égide da anterior secretaria regional, mas agora, concluído o processo, foi o secretário regional de Mar e Pescas quem procedeu à entrega dos certificados aos participantes, em dois momentos separados, um na lota do Funchal e outro na do Caniçal, com a presença do diretor regional de Pescas, Rui Fernandes.


Teófilo Cunha reforçou a importância da formação na “melhoria dos serviços” e, em consequência, “a aquisição de conhecimentos que permitem aos funcionários desempenharem as funções em respeito pelas normas e pelas técnicas legais, garantindo maior segurança aos consumidores”.   


A formação profissional foi ministra pelo médico veterinário Pedro Delgado, que também é Chefe de Divisão de Lotas e Mestre em Ciências do Consumo Alimentar, e Maria João Aveiro, técnica superior, que exerce funções de higiene e segurança alimentar desde 2013.


Anexos

Descritores