Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Albuquerque anuncia requalificação total da igreja de São Jorge

Miguel Albuquerque enalteceu hoje a recuperação em curso do património da igreja matriz de São Jorge. O presidente do Governo visitou as obras em curso e anunciou protocolo com a Igreja para recuperação do retábulo e ainda da cobertura do próprio templo, a par do restante património ali existente. 14-04-2021 Presidência
Albuquerque anuncia requalificação total da igreja de São Jorge

O governante fez questão de «dar parabéns aos paroquianos e ao pároco da freguesia», sublinhando que a obra em curso «é um passo gigantesco na salvaguarda e na recuperação de um património único, singular, que existe nesta igreja de São Jorge».

O líder madeirense sublinhou que o retábulo da igreja matriz de São Jorge é um «dos retábulos mais importantes do Barroco, senão o mais importante e o Tesouro da igreja é magnífico».

«Será aqui exposto, neste espaço muito bem concebido e muito bem desenhado. Esperamos ter este espaço aberto em setembro próximo», anunciou.

Posteriormente, enfatizou, Governo e Igreja irão celebrar um contrato-programa para trabalhos de isolamento em toda a estrutura, de modo a prevenir infiltrações e garantir a preservação de todo o espólio.

«Vamos ainda assinar um outro contrato-programa, para a recuperação do restante património da Igreja, em particular o único órgão que foi construído na Madeira e os quadros e imagens aqui existentes», anunciou, igualmente.

A terminar, sublinhou ser este um dia importante para o Património da Madeira, para a Cultura da Madeira e, em particular, para a freguesia de São Jorge.

A outro nível, questionado pelos jornalistas, confirmou o apoio da Regiâo à candidatura do Funchal a Capital Europeia da Cultura, anunciando ainda que o representante do Executivo na Comissão de Candidatura será o secretário da tutela, Eduardo Jesus, que acompanhou, aliás, esta visita a São Jorge.

Neste momento, estão concluídos os trabalhos da empreitada de requalificação e adaptação do espaço interior dos anexos / construção do Museu do Barroco (apoio financeiro PRODERAM e Câmara Municipal de Santana) e ainda a primeira fase do restauro de obras de pintura e escultura.

Em curso está o restauro de livros e manuscritos da Matriz (apoio do Governo Regional via SRTC/ Direção Regional do Arquivo e Biblioteca da Madeira), a segunda fase do restauro de obras de pintura e escultura, o restauro e recuperação dos azulejos disperso, a inventariação do património cultural da Matriz de São Jorge, a salvaguarda de peças em risco (expostas em zona do espaço de culto com danos estruturais evidentes) e a implementação de alarme de segurança, sistema de deteção de incêndios e controle ambiental no espaço afeto ao funcionamento do museu.

Por realizar, ficarão o restauro e reparação estrutural dos retábulos dos altares laterais, colaterais, do conjunto retabular do altar-mor, camarim e teto da capela-mor, a recuperação e impermeabilização das fachadas, janelas, portas e telhados, a recuperação dos sinos e respetivos suportes, a reparação do acesso ao púlpito, a reparação do coruchéu da torre sineira e recolocação da cantaria destruída no temporal de 2015 e o restauro do órgão histórico. Todos estes trabalhos serão alvo de contrato-programa, a celebrar brevemente.


Anexos

Descritores