Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Governo Regional apoia associações culturais no valor superior a 80 mil euros

O Governo Regional aprovou a celebração de mais 8 protocolos de desenvolvimento e cooperação cultural com diversas associações da Região Autónoma da Madeira. Abrangem o teatro, a música, cursos de Técnicas de Direção Artística, fotografia e produção de material multimédia e têm um valor global de 80,2 mil euros. 18-05-2021 Turismo e Cultura
Governo Regional apoia associações culturais no valor superior a 80 mil euros

O Governo Regional aprovou a celebração de mais 8 protocolos de desenvolvimento e cooperação cultural com diversas associações da Região Autónoma da Madeira. Abrangem o teatro, a música, cursos de Técnicas de Direção Artística, fotografia e produção de material multimédia e têm um valor global de 80,2 mil euros.

 

São apoios governamentais que complementam tantos outros e que têm como objetivo o desenvolvimento de atividades que contribuem para o incremento da qualidade e diversidade da oferta cultural da Região bem como para a promoção e divulgação da Madeira enquanto destino de cultura.

Ao DN, o Secretário Regional de Turismo e Cultura sublinha que “a política de apoios na área da Cultura tem sido prioridade do Governo Regional”. Por isso mesmo, Eduardo Jesus evidencia todo o “empenho em continuar a proporcionar as ajudas necessárias para que as associações possam por um lado manter os seus projetos que tanto têm dignificado a Cultura da Região, e que, por outro, facilitam o acesso de todos os cidadãos aos bens culturais pela grande diversidadeGanhamos todos em ter um setor ativo e forte”.

Além disso, o governante evidencia que vai ao encontro do que está plasmado no Programa do Governo, onde “está expresso que a Cultura é pedra basilar da identidade de um território e respetiva comunidade, oferecendo um sentido de pertença e unidade. Importa à Região, identificar, estudar, salvaguardar, promover e divulgar a sua herança cultural, e além disso prosseguir as medidas impulsionadoras de um papel criador e contemporâneo nas prioridades das políticas e estratégias deste setor, partindo do local para o global, de produção de conhecimento e conteúdos, que sejam benefícios na coesão social e na criação de riqueza e desenvolvimento da Região”.

 

Ler noticia em anexo


Anexos

Descritores