Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

Albuquerque diz que série “Abandonados” tem tudo para ser um sucesso

Miguel Albuquerque assistiu quarta-feira à antestreia da série da RTP “Abandonados”, produção filmada na Madeira e no Porto Santo, no início deste ano. O presidente do Governo Regional esteve no Centro Cultural John dos Passos e fez questão de agradecer à RTP e ao realizador Francisco Manso a escolha da Região como local de filmagens. 28-10-2022 Presidência
Albuquerque diz que série “Abandonados” tem tudo para ser um sucesso

O governante gostou do que viu e disse considerar que a mesma está magnífica e que será um sucesso.

Sublinhando que a RTP e o realizador já habituaram os portugueses a trabalhos de excelente qualidade, o líder madeirense elogiou a produção nacional, com bons produtores, realizadores e atores.

Reforçando a evolução que o cinema e a televisão nacionais vêm tendo, Miguel Albuquerque sublinhou que o projeto foi apresentado e agradou logo ao Governo Regional, que disponibilizou todo o apoio, pedindo também a várias empresas para colaborar.

Miguel Albuquerque sublinhou as potencialidades da Região para acolher a produção de filmes, anunciando estar a Região disponível para apoiar mais filmes ou mais séries.

E, numa espécie de desafio, recordou que a Região tem vários episódios históricos que podem ser aproveitados para a realização de filmes/séries de sucesso.

O chefe do Executivo madeirense salientou ainda a escolha da produção de técnicos e atores madeirenses, o que comprova a qualidade dos mesmos. E que comprova que a aposta que as escolas fazem ao incentivar a criatividade dos alunos tem sido coroada de êxito.

“Abandonados” é uma história esquecida, de coragem, de sacrifício sobre-humano, ocorrida em Timor durante a II Guerra Mundial, com a invasão do Japão.

O trabalho foi baseado no livro "O Diário do Tenente Pires", de António Monteiro Cardoso e será exibido na RTP em 7 episódios de 45 minutos cada.

A rodagem das cenas foi integralmente feita na Madeira e no Porto Santo, sendo por isso uma iniciativa inédita ao nível da produção nacional e de época. As filmagens decorreram durante 8 semanas, em diversos locais exteriores de especial relevo do ponto de vista do património natural, e em diversos imóveis que integram o património cultural, civil, religioso e militar das duas ilhas.


Anexos

Descritores