Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.

"Artefactos Pirotécnicos: O Fogo Preso"

Exposição itinerante do Museu Etnográfico da Madeira no âmbito do projeto de divulgação “O Museu Vai à Rua”. 30-01-2020 DRC
"Artefactos Pirotécnicos: O Fogo Preso" "Artefactos Pirotécnicos: O Fogo Preso"

Até 29 fevereiro

Parque Temático da Madeira – Santana.
Exposição itinerante do Museu Etnográfico da Madeira no âmbito do projeto de divulgação “O Museu Vai à Rua”. 
O chamado fogo preso já existia no século passado. Era muito apreciado em toda a ilha e presença obrigatória nos arraiais.
Antigamente, era comum exibir-se o fogo num local público e ser organizado um cortejo, acompanhado pela banda, para transportá-lo até o local do arraial.
A queima do fogo preso, nos arraiais, era um verdadeiro espetáculo. Os pirotécnicos usando a sua imaginação, apresentavam diversas figuras, nomeadamente leques luminosos, navios a salvar, rodas, bonecos e a tradicional girândola. Atualmente ainda se utilizam os bonecos (o velho e a velha) e a girândola.