Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

88% das escolas públicas da Região são Eco-escolas

Região lidera há 16 anos a taxa de implementação do Programa Eco-Escolas a nível nacional 28-11-2022 Ambiente, Recursos Naturais e Alterações Climáticas
88% das escolas públicas da Região são Eco-escolas

A Madeira lidera há 16 anos a taxa de implementação do Programa Eco-Escolas a nível nacional e hoje 88% das escolas públicas da Região têm esta distinção. Dados avançados pela Secretária Regional de Ambiente, Recursos Naturais e Alterações Climáticas, que esteve no Museu de Imprensa da Madeira (Câmara de Lobos) onde decorreu o XV Seminário Regional Eco-Escolas.

Relativamente ao ano letivo 2021/2022 foram galardoadas 129 escolas (129 bandeiras verdes) de todos os concelhos da Região, com a particularidade de existirem cinco municípios onde as escolas são todas Eco-Escolas (Porto Moniz; São Vicente, Calheta; Câmara de Lobos e Porto Santo).

Na oportunidade Susana Prada elogiou o trabalho dos intervenientes reafirmando que graças ao “empenho de todos, as gerações que educamos são mais informadas, mais conscientes e mais intervenientes”.

Na oportunidade a governante reiterou que o Governo Regional tem na ação climática uma das suas prioridades.

“As políticas regionais de mitigação e de adaptação às alterações climáticas são prioritárias, de forma a garantir a preservação dos recursos hídricos, a salvaguarda da floresta, a proteção da biodiversidade, a segurança das populações e do território, e a descarbonização da Economia”, disse a responsável.

Antes de terminar a responsável pela tutela do ambiente destacou ainda alguns pontos que fazem da Madeira a Região que possui melhor Índice de qualidade Ambiental onde o Funchal é a 3ª cidade europeia com ar mais limpo.


Anexos

Descritores