Prémio de Mérito é para recordar mas o que nos espera é o futuro

Nove alunos distinguidos na EBS D. Lucinda Andrade. 26-10-2018 Educação
Prémio de Mérito é para recordar  mas o que nos espera é o futuro

A Escola Básica e Secundária D. Lucinda Andrade distinguiu, quarta-feira (24 de outubro), nove alunos com o Prémio de Mérito Escolar, numa cerimónia que reuniu representantes de toda a comunidade educativa e mereceu a presença do Secretário Regional de Educação, Jorge Carvalho.

 

O governante recorreu a dois versos do “Poema desde un caracol”, de Gabriel Garcia Marquez (“Un día quise ver el mar — mar de la infância — y ya era tarde.”), declamado naquela sessão pela aluna Daniela Fernandes, para enfatizar a importância daquele momento. «Este poema diz-nos que as recordações da infância são fantásticas, mas que não as podemos voltar a viver, daí a importância do momento. Este um momento especial e para ser recordado, em que reconhecemos o trabalho, o empenho e a dedicação dos alunos, dos professores, dos encarregados de educação, de toda uma comunidade educativa que está empenhada no sucesso dos alunos», referiu o Secretário Regional, elogiando o projeto educativo daquele estabelecimento de ensino, centrado no aluno e buscando as melhores condições para que os alunos possam ser integrados, incluídos e colocados no trajeto do sucesso. «Devemos guardar estes momentos na memória, sabendo que dificilmente voltaremos a vivê-los, porque o que nos espera é o futuro, não o passado», concluiu Jorge Carvalho.

 

Neste contexto, foram distinguidos António Figueira (5.º ano), Daniela Serrão (6.º ano), Guilherme Castro (7.º ano), Diogo Pestana (8.º ano), Bárbara Fernandes (10.º ano), Daniela Domingos (11.º ano), Carlota Rosa (12.º ano), Sidónio Gomes (CEF) e Cristina Freitas (Curso Profissional).