Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.

Diferentes Situações de Risco exercitadas nas escolas

Treinados os comportamentos mais adequados a diferentes situações de risco. 24-01-2019 Educação
Diferentes Situações de Risco exercitadas nas escolas No âmbito dos projetos escolares de segurança contra os vários riscos naturais, assim como das medidas de autoproteção contra incêndio, foram simuladas durante esta semana diferentes situações de risco e treinados os comportamentos mais adequados a cada uma dessas situações. Nas escolas da Região Autónoma da Madeira é já prática corrente a realização de exercícios de evacuação, onde se simula a existência de um perigo no interior do edifício (por exemplo, um incêndio), que tem como consequência a evacuação de toda a população escolar para um local seguro no exterior – o ponto de encontro.

Porém, terça-feira (22 de janeiro), na EB1/PE/C Eng. Luís Santos Costa (Machico), foi exercitada uma situação de abrigo, em que se treinou o procedimento oposto, isto é, simulou-se um perigo no exterior do edifício (por exemplo, uma explosão ou uma tempestade súbita). Neste exercício foi criado um cenário onde o risco seria relacionado com o comportamento violento de uma pessoa nas imediações da escola. Após o alarme de abrigo, a escola desencadeou todos os procedimentos pré-definidos para esta situação, com a entrada rápida e organizada no edifício dos alunos, docentes e não docentes para um local interior previamente definido, com o objetivo de se protegerem do risco externo. 

Noutra intervenção, quarta feira (23 de janeiro), no edifício do Curral das Freiras, da EB/PE de Santo António e Curral das Freiras, os técnicos da Secretaria Regional de Educação, Serviço Regional de Proteção Civil e Associação Insular de Geografia realizaram uma ação de sensibilização para docentes e não docentes relativa a situações de riscos naturais, um exercício de evacuação simulando uma situação de incêndio e jogos com regras de segurança para os alunos do 1.º ciclo.

Na EB23 Dr. Eduardo Brazão de Castro, decorre a semana de prevenção "Galeão + Resiliente", com atividades tais como visitas de estudo, ações de sensibilização, simulacros de incêndio, entre outras. Com esta iniciativa, o docente com o cargo de Delegado de Segurança e o Núcleo de Proteção Civil Jovem existente na escola pretendem chamar a atenção para a importância das diversas temáticas da segurança, assim como envolver toda a comunidade educativa nas atividades propostas.

Estas atividades e treinos são essenciais para a difusão de uma cultura de segurança sustentada, sendo as escolas um veículo essencial nessa divulgação.