Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

Estrada Regional na Eira do Serrado asfaltada no âmbito do Plano de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável (PAMUS)

A empreitada “REQUALIFICAÇÃO DA REDE VIÁRIA REGIONAL – ZONA CENTRO - PAMUS” decorrerá nos concelhos do Funchal, Câmara de Lobos, Ribeira Brava e Santa Cruz, nomeadamente nas ER 103; ER 107; ER 109; ER 209; ER 228 e ER 229. 02-02-2022 Equipamentos e Infraestruturas
Estrada Regional na Eira do Serrado asfaltada no âmbito do Plano de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável (PAMUS)

O Secretário Regional de Equipamentos e Infraestruturas, Pedro Fino, visitou a intervenção que está a decorrer entre a ER 107 e a Estalagem da Eira do Serrado. Os trabalhos de asfaltagem estão a ser realizados no âmbito do Plano de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável (PAMUS) e representam um investimento de € 326 792,89 + IVA.

 

A empreitada “REQUALIFICAÇÃO DA REDE VIÁRIA REGIONAL – ZONA CENTRO - PAMUS” foi adjudicada por 3.574.000,00€. Estes trabalhos decorrerão nos concelhos do Funchal, Câmara de Lobos, Ribeira Brava e Santa Cruz, nomeadamente nas ER 103; ER 107; ER 109; ER 209; ER 228 e ER 229.

 

O PAMUS – Centro, Oeste e Leste - estabelece a estratégia de médio e longo prazo para o desenvolvimento de infraestruturas e transportes da RAM, melhorando as acessibilidades em todo o seu território e proporcionando mobilidade e transportes mais sustentáveis aos residentes e visitantes. O objetivo passa pela requalificação das estradas regionais mais antigas, uma vez que permitem o acesso a pontos de fruição da paisagem e a zonas turísticas.

 

“O Governo Regional está a dar continuidade ao trabalho que tem vindo a ser feito, ao longo desta legislatura, de requalificação das nossas Estradas Regionais, tendo como objetivo a melhoria da mobilidade dos nossos turistas e cidadãos, mas também valorizando uma das nossas imagens de marca, a beleza das paisagens que podemos usufruir quando circulamos nas nossas Estradas Regionais antigas”, refere o Secretário Regional de Equipamentos e Infraestruturas, Pedro Fino, acrescentando que “esta estrada, em particular, é frequentada por muitos turistas e, sem dúvida alguma, faz parte de um circuito turístico de excelência”.


Anexos

Descritores