Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

VIALITORAL apresenta investimentos para melhorar eficiência energética na VR1

A Secretaria Regional de Equipamentos e Infraestruturas, através da Direção Regional de Estradas, procedeu, em dezembro de 2019, à substituição da iluminação dos túneis, com o objetivo de reduzir os custos energéticos e aumentar a eficiência energética pela via da implementação da solução da tecnologia LED. 27-04-2022 Equipamentos e Infraestruturas
VIALITORAL apresenta investimentos para melhorar eficiência energética na VR1

A VIALITORAL concluiu recentemente, ou tem em curso, vários investimentos para melhorar a eficiência energética das suas instalações elétricas na parte concessionada da VR1 e minimizar o seu impacto ambiental, num esforço financeiro suportado a 100% pela concessionária.

 

De entre estes investimentos constam, assim, a alteração para leds da iluminação de plena via e ramos da parte concessionada da VR1 e ao início da substituição da iluminação dos túneis. A sede da VIALITORAL conta também já com uma unidade de autoprodução fotovoltaica.

 

Com este investimento, a VIALITORAL visa, de forma sustentável e impercetível aos utilizadores, atingir os seguintes objetivos:

 

  • Reduzir o desperdício de energia em iluminação através de novas tecnologias, com regulação adaptáveis às condições de exploração;
  • Reduzir o encadeamento e luz intrusiva sobre os condutores, prevenindo cansaço visual ou até perda de acuidade visual;
  • Reduzir a poluição luminosa ecológica, de forma a minimizar os seus efeitos adversos sobre insetos, plantas e animais, preservando o seu habitat, com especial relevância para a avifauna marítima noturna;
  • Aumentar a produção de energia renovável para autoconsumo (UPAC), reduzindo os custos financeiros e as emissões de CO2 provenientes da produção de energia elétrica pela EEM.

A alteração para leds em plena via (concluído), a alteração para leds do Túnel do Jardim Botânico (a iniciar), a alteração para leds da galeria sul do Túnel da Ribeira Brava (a concluir até ao verão) e a instalação no edifício sede da VIALITORAL de uma UPAC (33,8 Kw incluído) representam, no total um investimento da VIALITORAL de 802.355,79€.

 

SREI melhora eficiência energética dos túneis da rede viária regional

 

A Secretaria Regional de Equipamentos e Infraestruturas, através da Direção Regional de Estradas, procedeu, em dezembro de 2019, à substituição da iluminação dos túneis, com o objetivo de reduzir os custos energéticos e aumentar a eficiência energética pela via da implementação da solução da tecnologia LED.

 

“A sustentabilidade ambiental é uma prioridade e um compromisso assumido pelo Governo Regional e este importante investimento está alinhado com a Estratégia do Governo Regional para a Eficiência Energética, reduzindo o consumo dos combustíveis fósseis na produção de energia, promovendo a proteção ambiental e a segurança energética, com uma relação custo-benefício favorável”, explicou, na ocasião, o Secretário Regional de Equipamentos e Infraestruturas, Pedro Fino.

 

Esta empreitada, que ficou concluída a 6 de dezembro de 2019, foi divida em duas fases. A fase 1 consistiu na substituição da iluminação dos seguintes túneis: Túnel do Curral das Freiras, Túnel do Piquinho (Este e Oeste), Túnel da Fazenda (Sul, Norte e Ramo de Saída), Túnel Duplo do Caniçal (Sul e Norte), Túnel dos Portais (Sul e Norte) e Túnel da Palmeira (Sul e Norte). Na fase 2 foi feita a substituição da iluminação nos túneis do Cabeço da Cancela, Túnel das Eiras, Túnel do Pomar, Túnel da Nogueira e Túnel do Jardim – Paul do Mar.

 

A fase 1 da empreitada foi adjudicada pelo valor de €367.906,66 (acresce IVA à taxa legal) e a fase 2 pelo preço contratual de €147.801,15 (acresce IVA à taxa legal). A poupança de energia permitiu recuperar este investimento num prazo médio de 28 meses.

 

As luminárias LED instaladas nos túneis garantem um fluxo de 94,15% ao fim das 100 mil horas e possuem garantia de fábrica de 10 anos.

 

Esta empreitada usufrui de apoio financeiro do Fundo de Eficiência Energética – Plano Nacional de Ação para a Eficiência Energética.

 

Já com a empreitada “Melhoria da Eficiência Energética dos Túneis da Rede Viária Regional – Fase 3”, adjudicada agora em abril de 2022, pretende-se dar continuidade ao aumento da eficiência energética pela via da implementação da solução da tecnologia LED. A iluminação interior dos túneis já se encontra com a tecnologia LED. Nesta fase será substituída a iluminação de reforço, atualmente com lâmpadas de vapor de sódio, dos túneis da Via Rápida Machico-Caniçal (Piquinho, Fazenda, Duplo do Caniçal, Portais e Palmeira), dos túneis da Via Expresso VE5 Caniço-Camacha (Cabeço da Cancela, Eiras, Pomar e Nogueira), do túnel do Curral das Freiras e do túnel do Jardim do Mar – Paúl do Mar.

 

A empreitada está dividida em dois lotes, no lote 1 será substituída a iluminação de reforço dos túneis da Via Rápida Machico-Caniçal e do túnel do Jardim do Mar – Paúl do Mar e no lote 2 será a substituição a iluminação de reforço dos túneis da Via Expresso VE5 Caniço-Camacha e o túnel do Curral das Freiras.

 

A empreitada tem um preço contratual (acresce IVA) de € 830.002,06, sendo o lote 1 de € 424.760,29 e o lote 2 de € 405.241,77, com um prazo de execução de 180 dias para cada lote.


Anexos

Descritores