Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Secretário da Economia foi orador em evento da Comissão Europeia

O Urban Mobility Days é o maior evento organizado pela Comissão Europeia no âmbito da mobilidade sustentável e decorre em plataforma online entre 29 de setembro e 1 de outubro 30-09-2020 Economia
Secretário da Economia foi orador em evento da Comissão Europeia

- Painel político juntou representantes de 6 cidades Europeias. A anfitriã foi a Comissária Adina Vălean, responsável pela pasta dos Transportes

 

O secretário regional de Economia, Rui Barreto, participou ontem no Urban Mobility Days, um evento ao mais alto nível Europeu, onde estiveram presentes representantes de 6 Regiões da União Europeia (Antuérpia, Bélgica; Gotemburgo, Suécia; Liubliana, Eslovénia; Mannheim, Alemanha; Barcelona e Madrid, Espanha) e cuja anfitriã foi a Comissária Europeia dos Transportes, Adina Valean.

 

O secretário regional representou o consórcio Civitas Destinations, numa mesa de debate político que juntou responsáveis políticos regionais que apresentaram à Comissária Europeia os temas relevantes testados ao nível de projeto Civitas, para as cidades e regiões europeias. Devido à pandemia, o evento, que ia ter lugar em Cascais, realizou-se através de plataforma online e vai contar com inúmeras apresentações e mais uma dezena de painéis de debate.  

 

O Civitas Destinations é o programa desenvolvido pela CE para implementar e testar medidas inovadoras na mobilidade local e regional, com vista à redução dos consumos energéticos e das emissões, de forma a melhorar qualidade de vida das populações locais e dos turistas visitantes.

Este evento representa um momento importante para a Comissão Europeia apresentar os resultados alcançados no âmbito programa-quadro Horizonte 2020 que termina este ano. A Comissão Europeia investiu inúmeros recursos na temática da mobilidade urbana e este é o momento para os responsáveis políticos mostrarem resultados. Durante a apresentação do secretário regional da Economia estiveram a assistir mais de duas centenas de participantes oriundos de vários Estados Membros.

A intervenção do secretário regional foi focada nos seis temas chave que serviram como ponto de partida para a implementação do Civitas da Região. Em primeiro lugar, o Turismo como elemento essencial para o desenvolvimento económico e para impulso a mobilidade sustentável; o papel importante dos responsáveis políticos no esímulo à transição para uma mobilidade mais sustentável, que se revela ainda mais importante neste momento de pandemia à escala global; a dimensão alargada da mobilidade, não somente urbana, mas também metropolitana e regional; o papel da pessoa no desenvolvimento urbano; as cidades como áreas exclusivas para transporte público; e as ilhas europeias como património de elevado valor, ideais para a criação de laboratórios de análise à implementação de medidas com alcance global.

 

“Durante a implementação do projeto Civitas, o Governo trabalhou de forma integrada, procurando sempre um desenvolvimento harmonizado entre a população local e os visitantes. Estou convencido que as cidades e regiões do futuro devem ser construídas num sistema bem regulamentado, baseado principalmente em transporte público confiável e acessível. Esses três aspectos são essenciais para direcionar os sistemas de mobilidade urbana para uma humanização progressiva do transporte. Tal mudança  beneficiará o desenvolvimento local, a qualidade de vida, e a economia do Turismo, tornando nossas cidades e regiões mais ricas e felizes”, afirmou o governate sob o olhar atento dos seus pares europeus.

O Urban Mobility Days (UMD) representa uma enorme oportunidade para refletir sobre o que foi feito no âmbito do presente Quadro Comunitário, mas também constituirá uma oportunidade paras os representantes dos governos regionais se poderem candidatar participar num comité político para discutir com as direções gerais da Comissão Europeia as políticas de mobilidade executadas e a executar.

 

Comissão Europeia vai lançar ‘green deal’

O ‘green deal’ é o novo programa de incentivos estruturantes que a Comissão Europeia vai lançar no final deste mês para promover programas integrados para a mudança ambiental nas várias vertentes económicas. O projeto tem uma visão inovadora, baseada na integração e complementaridade de vários atores e várias competências e será enquadrado no próximo Quadro da União Europeia 2021-2027 vocacionado para projetos de grande impacto e com elevada integração entre atores e recurso.

 


Anexos

Descritores