Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

Prioridades para o Orçamento de Estado de 2023 acertadas

O Secretário Regional das Finanças, Rogério Gouveia, recebeu, esta tarde, os deputados à Assembleia da República, com assento na Comissão de Orçamento e Finanças. 26-09-2022 Finanças
Prioridades para o Orçamento de Estado de 2023 acertadas

Em cima da mesa de trabalho estiveram as perspetivas do Orçamento de Estado 2023 e as propostas que o Governo Regional quer ver inscritas no documento a ser apresentado na Assembleia da República.

 

À margem da reunião, o governante explicou ao jornalistas que muitos dos assuntos em discussão resultam de reivindicações antigas que a Madeira quer ver cumpridas pelo Governo da República no próximo ano e que a população anseia e exige.

Das várias medidas, destacou o responsável pelas Finanças Públicas regionais, continuam a sobressair questões que continuam a não ser atendidas pelo Estado, nomeadamente no que diz respeito ao acerto de receitas fiscais, quer no que toca às dívidas dos serviços do Estado à Região e na situação da dívida dos subsistemas de saúde.

A definição clara dos montantes do financiamento a conceder pelo Governo da República ao novo Hospital Central da Madeira é outra reivindicação que volta a constar nas preocupações do Governo Regional.

“A abertura do Governo da República nesta legislatura tem sido mais positiva”, realçou o secretário regional, acrescentando acreditar que esse positivismo e cooperação institucional se irá manter também em 2023.