Governo Regional atento às necessidades da população afetada pelo agravamento das condições atmosféricas

No âmbito das condições atmosféricas adversas que se fizeram sentir nos últimos dias, o Governo Regional através do Instituto de Segurança Social da Madeira (ISSM), informa o seguinte ponto de situação relativamente à intervenção da Linha de Emergência Social. 01-03-2018 Inclusão e Assuntos Sociais
Governo Regional atento às necessidades da população afetada pelo agravamento das condições atmosféricas

Foram sinalizadas  4 situações de risco (envolvendo  12 cidadãos) tendo sido necessária intervenção nas seguintes ocorrências:

 

-1 sinalização do concelho de Câmara de Lobos por queda de um muro na zona do Ribeiro Real, onde a intervenção do ISSM efetivou-se no âmbito de parceria com a Câmara Municipal concelhia, disponibilizando refeições  jantar e pequeno-almoço aos 5 cidadãos desalojados.

 

Hoje, 1 de março o Instituto de Segurança Social da Madeira continuará a assegurar a alimentação deste agregado através do fornecimento de refeições fornecidas pelo Lar da Bela Vista;

 

- 3 sinalizações no concelho do Funchal (num total de 7 cidadãos) que por motivos habitacionais tiveram que ser alojados.

 

No presente, o Governo Regional através do Instituto de Segurança Social da Madeira,  encontra-se a realizar uma avaliação das situações para adequar a sua intervenção e estabelecimento das parcerias necessárias para a sua resolução.

 

Importa referir igualmente que no que respeita à população sem-abrigo a  Associação Protetora dos Pobres (APP), desde 11 de fevereiro tem ativo "Plano de Proteção Nocturno", de maneira a dar continuidade à resposta iniciada em janeiro  junto às pessoas em situação de sem-abrigo, de forma a não desproteger as mesmas em situações de situações climatéricas adversas.

 

Neste âmbito de 23 a 28 fevereiro recorreram a este Plano uma média de 10 pessoas em situação de  sem-abrigo por noite.


Anexos

Descritores