"Instituições de economia social têm assumido um papel preponderante"

Teve lugar no Colégio dos Jesuítas, no dia 14 de maio, a apresentação dos trabalhos finais da Pós-graduação desenvolvida pela empresa “TECLA – Formação Profissional”, em conjunto com o Instituto de Emprego da Madeira, em “Gestão das Organizações da Economia Social”. 14-05-2018 Inclusão e Assuntos Sociais
"Instituições de economia social têm assumido um papel preponderante"

A Secretária Regional, Rita Andrade, esteve presente na apresentação dos trabalhos finais onde aproveitou a ocasião para enaltecer o trabalho desenvolvido pelas instituições de economia social.

 

“As instituições de economia social têm assumido um papel preponderante e diversificado na economia global. A globalização, a inovação e a procura de sustentabilidade passou a afetar diretamente este tipo de organizações. Cada vez mais, é importante que uma instituição da economia social seja inovadora, pró-ativa e que esteja na vanguarda, a prestar serviços diferenciadores, como forma de garantir a resposta necessária e a sua própria sustentabilidade.”

 

Esta Pós-graduação decorreu entre 18 de outubro e 07 de novembro de 2017, com a duração de 70 horas e envolveu 20 desempregados licenciados em várias áreas, mais concretamente, nas áreas de Serviço Social, Ciências da Educação, Comunicação, Cultura e Organizações, Sociologia e Ciências Sociais.

De referir que 8 formandos conseguiram inserção no mercado de trabalho (40% do total).

Foram selecionados seis projectos na área da economia social, que provaram ser sustentáveis através da apresentação de um plano de negócios.

 

De referir que em junho de 2018, a SRIAS em parceria com a empresa ‘tecla’, promove nova Pós-graduação na área de “Direção Comercial e Gestão de Vendas”, abrangendo 20 desempregados licenciados.

 

 


Anexos

Descritores