Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Governo Regional renova apoio ao Lar de Idosos em Câmara de Lobos por mais três anos

A Associação Atalaia Living Care volta a ser apoiada pelo Governo Regional, com vista a assegurar a gestão das respostas sociais do Lar de Idosos de Câmara de Lobos. 06-10-2021 Inclusão Social e Cidadania
Governo Regional renova apoio ao Lar de Idosos em Câmara de Lobos por mais três anos

Trata-se de um protocolo tripartido entre a Secretaria Regional de Inclusão Social e Cidadania, a Associação Atalaia Living Care  e o Instituto de Segurança Social da Madeira, com a finalidade de “garantir uma resposta célere e eficaz à significativa e crescente ocupação de camas hospitalares por utentes com alta clínica, por regra pessoas idosas, dado o seu grau de dependência e pelo facto de não terem familiares ou outros cuidadores, que possam garantir a prestação dos cuidados de apoio social básicos”, realçou a Secretária Regional, Rita Andrade, durante a celebração do protocolo, assinado na passada segunda-feira, dia 4 de outubro.

 

Este protocolo, que representa um valor máximo de investimento por parte do Governo Regional na ordem dos 4 milhões de euros, ao longo dos 3 anos de vigência, irá vigorar entre 1 de outubro de 2021 e 30 de setembro de 2024.

 

O Lar de Idosos de Câmara de Lobos, localizado na Rua da Nova Cidade, é uma obra do Governo Regional, inaugurada em 2017, que veio dar resposta a um dos anseios da população local, nomeadamente a criação de um lar de Terceira Idade sedeado no concelho.

 

Com uma capacidade máxima de 60 camas afetas à valência de alojamento residencial e de 30 utentes na valência de centro de dia, o funcionamento da estrutura residencial do Lar de Idosos de Câmara de Lobos envolve a prestação de cuidados de apoio social a pessoas idosas, que incluem o alojamento, alimentação, apoio no desempenho das atividades da vida diária, a manutenção, estimulação e prática de hábitos de autonomia, prestação de cuidados médicos, de cuidados de enfermagem diários, atividades de animação sociocultural e ocupacional, entre outros.

No que diz respeito ao centro de dia, que funciona nos dias úteis, das 9h às 18h30, são prestados serviços de alimentação, animação sociocultural, recreativa e ocupacional, apoio psicossocial, vigilância e segurança dos idosos, transporte para desenvolvimento das atividades de animação sociocultural, recreativa e ocupacional.

 

“O Governo Regional dá a máxima prioridade e atenção à valorização e proteção da nossa população idosa, de forma a poder proporcionar a melhor qualidade de vida e todos os cuidados necessários ao seu bem-estar, nesta fase da sua vida, pelo que continuará a apoiar estas instituições, que têm como missão cuidar e proporcionar saúde e bem estar aos nossos idosos”, concluiu Rita Andrade.


Anexos

Descritores