Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Governo Regional apoia população idosa

Augusta Aguiar garante, no VIII Colóquio “Olhares sobre o Envelhecimento”, que o Executivo vai continuar a desenvolver medidas concretas de apoio à terceira idade 28-11-2019 Inclusão Social e Cidadania
Governo Regional apoia população idosa No discurso proferido na sessão de abertura do VIII Colóquio “Olhares sobre o Envelhecimento”, organizado pela Universidade da Madeira, a Secretária Regional de Inclusão Social e Cidadania, Augusta Aguiar, afirmou que “o Governo Regional da Madeira assume, como eixo prioritário da sua intervenção social, a valorização e proteção da população idosa”, continuando a aposta no envelhecimento ativo, conforme plasmado no Programa de Governo.
A responsável pela pasta de Inclusão Social e Cidadania destacou a continuidade de “medidas orientadas para valorizar o papel da pessoa enquanto ator social, determinante do seu próprio processo de envelhecimento”.
Reforçar a ajuda domiciliária, apoiar nas ajudas técnicas e dar continuidade ao sistema de alerta (Teleassistência) são outras das ações previstas.
A governante disse, ainda, que “será criado um sistema de monitorização, sinalização e acompanhamento de idosos isolados, com articulação entre os serviços de segurança social e de saúde, instituições da economia social e voluntariado, autarquias e forças de segurança”.
E acrescentou: “O Governo Regional vai, ainda, criar um centro de noite, aumentar o número de camas de internamento em lares, e continuar a apoiar na aquisição de medicamentos”.
Sobre o Estatuto do Cuidador Informal, referiu que o Regulamento será brevemente publicado e evidenciou que neste “é feito o reconhecimento da qualidade de cuidador e da dependência da pessoa cuidada, o plano de cuidados a estabelecer, os direitos do cuidador informal e os critérios para atribuição de um apoio financeiro, de natureza compensatória”.
“O Governo Regional está atento e vai continuar a desenvolver medidas concretas de apoio às pessoas idosas, com o intuito de garantir que estas tenham maior bem-estar e mais qualidade de vida”, assegurou.

Anexos

Descritores