Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Hospital dos Pequeninos na Madeira

Estudantes de medicina desmistificam medo da bata branca nas crianças. 11-04-2017 Saúde e Proteção Civil
Hospital dos Pequeninos na Madeira

Os secretários regionais da Saúde e da Educação, Pedro Ramos e Jorge Carvalho participaram na apresentação oficial do Hospital dos Pequeninos da Madeira, que decorreu hoje no Museu da Imprensa, em Câmara de Lobos.

O Hospital dos Pequeninos é um projecto pioneiro para a RAM, promovido pela Associação de Jovens Estudantes de Medicina da Madeira terá lugar de 17 a 21 de Julho de 2017 e tem como objectivo cuja missão principal a desmistificação da bata branca perante as crianças.

 A organização prevê a participação de um milhar de crianças com idades entre os 4 e os 8 anos.

O Hospital dos Pequeninos foi baseado no Projeto “Teddy Bear®”, desenvolvido pela EMSA (European Medical Students Association), que, à semelhança do que já é feito em outras zonas do país, consiste num projeto infantil para ajudar as crianças em idade escolar a perder o medo da visita ao médico e de proporcionar aos estudantes da Área da Saúde e Ciências da Vida (Medicina, Enfermagem, Ciências Farmacêuticas, Nutrição, Psicologia, Medicina Dentária, entre outras áreas) envolvidos uma preparação para o trabalho com crianças na sua vida profissional futura bem como o trabalho multidisciplinar.

Trata-se de um Hospital Modelo em que as crianças levam os seus brinquedos preferidos (os doentes), na forma de filhos ou amigos, ao hospital, para lá serem tratados. O Hospital dos Pequeninos adota uma infraestrutura semelhante à de um hospital real. Tudo isto para que a criança conheça os elementos constituintes de um hospital e se familiarize com o que lá é feito. Passando pela sala de espera, de triagem e de tratamento, os 'pequenos pais’ vão ter de explicar os sinais e sintomas do seu 'filhote', ouvir e compreender o diagnóstico e aplicar os curativos.

O Hospital dos Pequeninos funcionará com 50 crianças por turno, sendo que cada turno dura 2 horas.