Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

“FUNK´IN HOUSE” tem o apoio da Secretaria Regional de Turismo e Cultura

21 artistas participam em novo projeto online 02-06-2021 Turismo e Cultura
“FUNK´IN HOUSE” tem o apoio da Secretaria Regional de Turismo e Cultura

A Secretaria Regional de Turismo e Cultura volta a estar ligada a um projeto online. Desta feita, através do apoio e coprodução do denominado “Funk´in House” que nasceu do desafio lançado aos músicos profissionais participantes. A intenção foi que reescrevessem e reinterpretassem músicas com novos arranjos obtidos através da participação de artistas de diferentes géneros e de instrumentos diversificados, desde o bandolim, flauta, guitarras, saxofone e instrumentos de percussão. Na sua essência, a imagem e conceito do projeto pretende transmitir a mensagem: “Faça música em casa, não pare”.

Em declarações ao DN, o  Secretário Regional de Turismo e Cultura considera relevante o apoio dado a este novo projeto que teve na sua génese o propósito de incentivar os músicos a manterem-se ativos, “dando-lhes projeção e permitindo, igualmente, a geminação de novas parcerias, o incentivo à criação, através da recriação de músicas conhecidas do grande público, contribuindo, desta forma, para a divulgação dos artistas e da sua empregabilidade”.

Eduardo Jesus releva o papel do Governo Regional no que concerne à Cultura, que “não pode ser vista apenas enquanto repositório de conhecimentos, usos e tradições, devendo permitir  pela via do potencial criativo e do património cultural, alicerçar medidas concretas, aumentando a oferta neste âmbito, assim como reforçar a ligação e cooperação com os parceiros públicos e privados do setor, afirmando, a Madeira e o Porto Santo no país e no mundo. Estamos sempre presentes para apoiar os projetos culturais, independentemente de resultarem de iniciativas nossas, pois estamos cientes que todos ficamos a ganhar com uma Cultura diversificada e mais abrangente”.

 

Ler noticia em anexo 

 


Anexos

Descritores