Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

11.º Festival de Órgão da Madeira começa amanhã na Igreja do Colégio

O 11.º Festival de Órgão da Madeira, evento organizado pela Secretaria Regional de Turismo e Cultura, através da Direção Regional da Cultura, e com direção de artística de João Vaz, tem início amanhã, dia 14 de outubro, pelas 21h30, na Igreja de São João Evangelista (Colégio). 13-10-2022 Turismo e Cultura
11.º Festival de Órgão da Madeira começa amanhã na Igreja do Colégio

O concerto inaugural tem como tema “A Arte da Transcrição” e será focado em obras do conhecido compositor Johann Sebastian Bach. Uma das figuras máximas da música para órgão de todos os tempos, Bach transcreveu para órgão várias obras suas ou de outros compositores, originalmente escritas para outros instrumentos. Seguindo essa tradição, o recentemente falecido organista francês André Isoir fez vários arranjos para órgão de obras orquestrais do compositor alemão, os quais são apresentados neste recital (ao lado de obras originais de Bach), por François Espinasse.

 

Nascido em 1961, François Espinasse fez os seus estudos musicais no Conservatoire National de Région de Toulouse. Primeiro prémio de Órgão na classe de Xavier Darasse em 1980, prosseguiu os seus estudos no ano seguinte com André Isoir. Foi laureado nos concursos de Toulouse em 1986 (música contemporânea) e de Tóquio-Musashino, no Japão, em 1988. Foi nomeado organista titular da igreja de Saint Sévérin em Paris, assim como professor de Órgão no Conservatoire National Supérieur de Musique de Lyon. É membro da Comissão Superior dos Monumentos Históricos e um dos titulares do órgão da capela real do palácio de Versalhes. A sua Carreira de concertista e de professor convidado para masterclasses levou-o a apresentar-se numa vintena de países até ao momento. É igualmente convidado regularmente a participar em júris de concursos internacionais de órgão. As suas gravações discográficas têm sido alvo do louvor da crítica. Apaixonado pela criação contemporânea, colabora frequentemente com compositores, tendo recentemente apresentado em primeira audição obras de Betsy Jolas, Pierre Farago e Philippe Hurel.

 

Recorde-se que o programa do 11.º Festival de Órgão da Madeira inclui, até a dia 23 de outubro, um total de 11 concertos em 8 igrejas dos concelhos do Funchal, Machico e Ponta do Sol, nomeadamente na Igreja de São João Evangelista (Colégio), Sé, Igreja do Recolhimento do Bom Jesus, Igreja de São Pedro, Convento de Santa Clara e Igreja de São Martinho no Funchal, Igreja de Nossa Senhora da Conceição (Machico) e Igreja de Nossa Senhora da Luz (Ponta do Sol).

 

Há sublinhar ainda que todas as iniciativas que constam do programa são de acesso gratuito. Mais informações poderão ser obtidas no portal oficial do Festival de Órgão, em https://festivaldeorgao.madeira.gov.pt/pt/pagina-principal.html .

 


Anexos

Descritores