Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

Propostas da Pinto Lopes Viagens enriquecem destinos

O Secretário Regional de Turismo e Cultura reuniu com os responsáveis da Pinto Lopes Viagens e da MBtravel, a sua DMC (Destination Management Company) na Região, respetivamente Freddy Castro e Mestre Barbosa. Uma oportunidade para Eduardo Jesus se inteirar da crescente aposta no destino por parte do operador turístico e agência de viagens, com sede no Porto, e da sua ligação à empresa madeirense. 07-11-2022 Turismo e Cultura
Propostas da Pinto Lopes Viagens enriquecem destinos

A Pinto Lopes Viagens é especializada em programas diferentes como os dedicados a grupos culturais e de autor, com guia em português. Conta com mais de 45 anos de experiência e organiza anualmente cerca de 650 circuitos, levando mais de 22 mil viajantes a todo o mundo.
A programação própria desenvolvida, que vai desde os destinos tradicionais aos mais invulgares, é comercializada em exclusivo pela Pinto Lopes Viagens, não sendo possível encontrá-la em qualquer outra agência.

Além desta particularidade, e das muitas outras propostas que cria, é mentora do conceito de viagem, inédito a nível nacional: as viagens com autores. Nesse sentido, a seu convite, personalidades de diversas áreas de interesse desenham e acompanham circuitos inspirados na sua vida e obra. A este acompanhamento exclusivo acresce uma panóplia de serviços premium, de elevada qualidade e com o objetivo da descoberta do destino em causa nas suas vertentes únicas.

Outro fator distintivo é a inovação, uma vontade constante de elaborar e oferecer produtos novos e interessantes a quem viaja há muito tempo e que já viu de tudo. Neste âmbito, no que à Madeira diz respeito, adicionalmente à programação cuidada que dedica ao destino, continua a trabalhar com a empresa madeirense de Mestre Barbosa, no sentido de, também, apresentar propostas diferenciadoras, e de valor acrescentado, de viagens para uma Região com raízes turísticas há mais de 200 anos. Uma vertente que o empresário insular revelou estar a ser bem conseguida, com o contínuo aumento dos viajantes da Pinto Lopes que procuram a ilha.

O Secretário Regional de Turismo e Cultura considera relevante o desempenho da Pinto Lopes Viagens e a preocupação diferenciadora como propõe a sua programação, para um cliente mais exigente. Eduardo Jesus sublinha que essa vertente “é importante para o viajante, pela amplitude da oferta, e pela forma como procura criar propostas diferentes e enriquecedoras, mesmo para destinos maduros, como acontece com a Madeira”, enaltecendo “a forma como se organizam e oferecem as experiências na RAM”.


Anexos

Descritores