Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Eduardo Jesus releva valor da autenticidade

O secretário regional de Turismo e Cultura disse ontem que não há nada mais autêntico do querer ter uma publicação que caraterize a autenticidade, que “é aquilo que nos distingue dos outros. É de uma nobreza incomparável”. Eduardo Jesus falava por ocasião do lançamento do Almanaque PEF 2020, que decorreu no Centro de Estudos de História do Atlântico Alberto Vieira. 19-11-2019 Turismo e Cultura
Eduardo Jesus releva valor  da autenticidade

O governante referiu que há essa preocupação, da autenticidade, na comunicação da Madeira no que respeita ao turismo. “Hoje só divulgamos aquilo que é autenticamente nosso, genuíno, que nos distingue”, complementou, afirmando que é que isso que nos leva à vantagem competitiva deste destino em ser mais atrativo do que os outros.

Referiu que a Madeira não é só a montanha e o mar, mas também que uma parte que é a cultura, e que foi através dessa cultura que “humanizamos a nossa comunicação nesta tentativa de sermos diferentes”.

Acerca do Almanaque PEF 2020, que hoje teve o lançamento da sua 25.ª edição, Eduardo Jesus realçou que se trata de uma publicação de utilidades gerais, que servem como um contributo social muito forte na informação atual para todo o ano.

Não quis deixar igualmente de destacar a persistência da publicação e a sua versatilidade de divulgar e informar e ainda de recordar.


Anexos

Descritores