Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Turismo age energicamente no Reino Unido

A Madeira reforçou de imediato a promoção no Reino Unido depois de conhecer que se mantinha na lista dos corredores verdes. Trata-se um mercado que traduz cerca de 1/5 dos turistas que fazem férias na Madeira. 12-09-2020 Turismo e Cultura
Turismo age energicamente no Reino Unido

A ação da Associação de Promoção da Madeira já estava a ser pensada anteriormente pelo que os meios estão ativados e os conteúdos estavam prontos, e assume, neste momento, uma prioridade particular, não só pela oportunidade de continuar a promover a Região como um destino seguro, mas, acima de tudo, sabendo da importância que estas novas comunicações do Governo britânico refletem nas reservas e nas viagens.

Neste momento, 57% das reservas são feitas com 7 dias de antecedência; 74% são marcadas com a antecipação de 14 dias; e apenas 7% acontecem a 90 dias da viagem. Deste modo, o impulso da compra é muito relevante pelo que é de primordial importância o reforço da ação promocional da Madeira no Reino Unido, aproveitando esta janela de oportunidade que se mantém aberta, além de agora ganhar maior dimensão por relevar a diferença epidemiológica de uma região em comparação com o todo nacional.

O secretário regional de Turismo e Cultura considera que “este momento é decisivo para que a Madeira continue na crista da onda no mercado britânico, não só pelo seu próprio mérito devido ao quadro epidemiológico que apresenta, como por poder beneficiar de uma maior procura do destino pelos turistas do Reino Unido que receiam ir de férias para outros lugares, alguns dos quais lhes exigem o cumprimento de quarentena no regresso a casa”. Eduardo Jesus evidencia que a Madeira “alia a sua oferta turística secular à forma como tem sabido lidar com a pandemia, realidade que tem merecido os mais rasgados elogios a nível internacional, quer seja por passageiros e por operadores turísticos”.

“Esta é uma janela de oportunidade que estamos a agarrar com unhas e dentes”, complementa.


Anexos

Descritores