Vice-Presidência do Governo lança novo programa de apoio à criação de empresas

Valorizar as pessoas e os projetos e criar condições para que os jovens possam ficar na Região é o objetivo do programa de aceleração StartNOW. 04-06-2018 Vice-Presidência
Vice-Presidência do Governo lança novo programa de apoio à criação de empresas

É mais uma iniciativa de aceleração de ideias inovadoras desenvolvida pelo Governo Regional, através da Startup Madeira. Chama-se startNOW, as inscrições estão abertas e destina-se a equipas com um máximo de quatro elementos.

De acordo com a Diretora Regional Adjunta de Economia, Patrícia Dantas Caires, o Governo Regional continua a proporcionar todas as oportunidades para que se criem empreendedores na Região.

"Queremos valorizar as pessoas e os projetos e criar condições para que os jovens possam ficar na Região", reforçou a Diretora Regional, realçando que o que se pretende com estes programas é garantir que todos os empreendedores com talento, competência e visão, possam vir a desenvolver o seu projeto.

O Programa StartNOW, explicou ainda Patrícia Dantas, destina-se a empreendedores que queiram desenvolver produtos ou serviços nas mais diferentes áreas de negócio: ciência, cultura, desporto, energia, indústrias criativas, inteligência artificial, IOT, mar, mobilidade, natureza, saúde, soluções WEB, sustentabilidade, turismo ou em outras oportunidades de futuro.

“Este projeto é muito relevante, na medida em que mostra, de forma muita efetiva, que há um cem número de áreas onde estas ideias podem ser exploradas e vem, por outro lado, desmitificar a ideia que de que o empreendedorismo é só para a área da tecnologia.

A iniciativa do Governo Regional, através da StartUp Madeira pretende apoiar ideias inovadoras para a Madeira e da Madeira para o Mundo.

Ao longo deste programa de aceleração, que tem a duração de seis meses, as equipas terão oportunidade de iniciar ou reestruturar uma ideia inovadora, desenhar a solução e construir o seu modelo de negócio.

O startNOW não tem qualquer limitação a nível de área de formação ou nível de escolaridade. Os candidatos apenas terão de provar que a sua equipa tem talento suficiente para desenvolver e comercializar a ideia apresentada, em 6 meses.

As candidaturas deverão ser apresentadas em equipa, composta por 1 a 4 elementos, com idades superiores a 18 anos, aquando da inscrição.