Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Região procura discriminação positiva junto do governo britânico

Miguel Albuquerque indicou que a Madeira manterá diligências diplomáticas 24-07-2020 Presidência
Região procura discriminação positiva junto do governo britânico

A região autónoma vai continuar a encetar diligências diplomáticas por forma a obter uma discriminação positiva face à decisão do Reino Unido em manter Portugal fora da lista de países com corredor de viagens sem obrigatoriedade de quarentena.

À margem da inauguração do Centro de Operações do Comando Operacional da Madeira, o Presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, diz tratar-se de um problema na medida em que a Madeira e Porto Santo precisam de retomar o turismo do Reino Unido.

“Continua a ser um problema, más nós fazemos parte do país”, afirmou Miguel Albuquerque.

“Já fizemos 74 diligências diplomáticas. Vamos continuar a fazer diligências no sentido de termos uma discriminação positiva, quer para a Madeira, quer para os Açores, porque, neste momento, não temos nenhuma situação de pandemia”, continuou.

A declaração do líder do Executivo vem na sequência da decisão, tomada hoje, pelo governo de Boris Johnson em manter Portugal entre os países em que os viajantes britânicos têm de cumprir quarentena no regresso ao país

Anexos

Descritores