Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Concurso para empreitada de “Estabilização da ER 222 – Ribeira Brava” já decorre

A Secretaria Regional de Equipamentos e Infraestruturas, através da Direção Regional de Estradas, já abriu o procedimento contratual com vista à seleção do empreiteiro que irá executar a empreitada de “Estabilização da ER 222 – Ribeira Brava”. Para tal, foi escolhida a modalidade de Concurso Limitado por Prévia Qualificação, uma vez que a solução implica a execução de estruturas de suporte com fundações especiais. A entrega das candidaturas deverá ocorrer até ao próximo dia 4 de agosto. 24-07-2020 Equipamentos e Infraestruturas
Concurso para empreitada de “Estabilização da ER 222 – Ribeira Brava” já decorre
Recorde-se que a instabilização, ocorrida em 28/07/2018, do talude de suporte da ER 222 ao Sítio da Banda d’Além resultou de uma obra privada, com licenciamento municipal, durante os trabalhos de escavação para a implantação de um edifício de habitação e comércio. A crista da instabilização progrediu e levou ao colapso de um troço de caminho real, aproximando-se perigosamente das fundações do muro de suporte da estrada regional. Dada a falta de condições de segurança, a estrada regional foi encerrada a todo o tipo de trânsito. A SREI recorreu a um especialista em Geotecnia e Geologia para estudar a situação e propor medidas imediatas com visita à salvaguarda de pessoas e bens. 

Face à delonga na abertura da estrada, o Governo Regional da Madeira chamou a si a responsabilidade de encontrar uma solução que permitisse a abertura da estrada à população. A solução passou pela execução de trabalhos que permitissem a reabertura de uma das vias, bem como por desenvolver a solução definitiva e respetiva empreitada de estabilização.

Surge neste contexto a empreitada agora promovida pela SREI com vista à execução da solução que irá estabilizar definitivamente a plataforma rodoviária, repondo a circulação a todo o tipo de tráfego.

A solução para a estabilização da ER 222 é composta essencialmente por:
Escavação dos depósitos de vertente até ao nível da estrada regional;
Alteração do atual traçado da estrada regional numa extensão de 114 metros, ficando o novo perfil transversal com uma largura de 6 metros e bermas de 0,5 metros;
Execução de uma cortina de estacas com laje de alívio, com um desenvolvimento total de cerca de 95 m. A cortina de estacas a executar será constituída por estacas de betão armado de diâmetro Ø1000 mm afastadas de 1,30 m;
Execução de muros de guarda;
Reposição do caminho real;
Pavimentação da área de intervenção, com reposição da sinalização horizontal.

Complementarmente serão efetuados os seguintes trabalhos:
Intervenção em três zonas com trabalhos de limpeza e consolidação de taludes;
Reabilitação de muros de guarda ao longo da ER222;
Reabilitação de valetas ao longo da ER222;
Pavimentação desde o início da ER222 até ao entroncamento com a Estrada da Banda D’Além, incluindo a reposição da sinalização horizontal e vertical.

O preço base é de 3.570.000,00€ (acresce IVA) e o prazo de execução 12 meses.


Anexos

Descritores