Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Lobo-marinho recupera

A utilização de covos na Reserva Natural das Desertas será proibida 27-11-2019 Mar e Pescas
Lobo-marinho recupera

Os resultados preliminares do “Projecto Life Madeira Lobo-Marinho” foram apresentados no auditório do Museu da Electricidade/Casa da Luz e os investigadores responsáveis manifestaram-se “satisfeitos” com os números alcançados.

De espécie em risco de extinção há 20 anos, quando existiam apenas 6 animais, a colónia de lobos marinhos da Reserva Natural das Desertas é actualmente de 20 exemplares.  A taxa de mortalidade de 63% no primeiro ano de vida das crias, é o próximo combate do Instituto das Florestas e Conservação da Natureza (IFCN). Outra das medidas para colocar em prática, no imediato, é a proibição da utilização de covos na área da Reserva Natural das Desertas.

O secretário regional de Mar e Pescas, Teófilo Cunha, foi um dos convidados da conferência.

 

 


Anexos

Descritores