Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Protocolo reforça ligações entre a Madeira e a Rússia

O secretário regional da Economia, em representação da Região Autónoma da Madeira, assinou, esta terça-feira, no auditório da Quinta Magnólia, um protocolo de cooperação com a Câmara de Comércio & Indústria Luso-Russa, uma oportunidade para Rui Barreto destacar o aumento que se tem vindo a verificar nas relações comerciais entre a Região e aquele país. 23-11-2021 Economia
Protocolo reforça ligações entre a Madeira e a Rússia

Para Rui Barreto, “trata-se de mais um passo importante no reforço da articulação entre a Região Autónoma da Madeira e a Rússia, explorando não apenas o potencial de negócios para serviços e bens produzidos, como também no plano cultural, da ciência e do conhecimento”.
Rui Barreto diz ainda, a propósito deste protocolo, que “o mercado russo, com uma população estimada em cerca de 145 milhões de pessoas, constitui um universo de potenciais consumidores de produtos e serviços regionais, não apenas nas áreas e produtos mais tradicionais, como por exemplo o Vinho Madeira, mas também no plano das novas tecnologias, da informática e do ‘software’, onde a Região tem vindo a conquistar créditos internacionais”.
O estabelecimento deste protocolo de cooperação, articulado através da Invest Madeira, tem também, no entender do secretário regional da Economia, uma outra dimensão, que é o de “georreferenciar a Região nos meios económicos e financeiros, o que lhe dá projeção, não apenas no plano económico, como uma região com condições para atrair investimento, mas também como um arquipélago excelente para o lazer e com forte interesse turístico”.
Na cerimónia desta manhã, além do secretário regional da Economia, esteve também presente o embaixador da Federação Russa, em Lisboa, Mikhail L. Kamynin, que fez questão de assinalar a assinatura deste protocolo de cooperação com a Câmara de Comércio & Indústria Luso-Russa, organismo presidido Bruno Valverde Cota, bem como a diretora da Invest Madeira, Filipa Ferreira.
Durante a sua intervenção, Bruno Valverde Cota salientou a importância deste protocolo, “no desenvolvimento de projetos na área tecnológica, através da investigação científica, na indústria das pescas, agricultura, bem como no apoio ao processo de internacionalização da Região Autónoma da Madeira para a Rússia, a porta de entrada para os países da União Eurasiática”.

 


Anexos

Descritores