Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

“O Desembarque” 600 anos em banda desenhada

Primeiro capítulo “Lenda de Machim” foi distribuído hoje 28-08-2019 Secretaria Regional do Turismo e Cultura
“O Desembarque” 600 anos em banda desenhada

Com o apoio da Secretaria Regional do Turismo e Cultura, o JM traz, em encarte, hoje, amanhã e depois, o projeto de banda desenhada, “O Desembarque”, iniciativa criativa organizada pela MQ - Mercado Quinhentista - Associação de Recriação Histórica de Machico, em que os alunos do 12º ano do Curso de Artes Visuais da Escola Básica e Secundária de Machico, com orientação da professora de Desenho Alexandra Carvalho e do autor de BD, Roberto Macedo Alves. 
Sobre a divulgação e distribuição pública d”O Desembarque”, a Secretária Regional do Turismo e Cultura, Paula Cabaço, adianta que “na celebração dos 600 Anos, este é, deveras, um projeto muito especial e gratificante por permitir assistirmos à interpretação e criação, do ponto de vista artístico, dos momentos fundadores da nossa história, particularmente por ser feito pelas mãos das nossas novas gerações, num contributo que reforça e valoriza, ainda mais, o envolvimento da comunidade nestas comemorações que foram pensadas e projetadas para todos». 
“O Desembarque”, está dividido em três capítulos. A saber: 1. Lenda de Machim, 2. Enviados do Infante, 3. O povoamento, estando os alunos divididos em três grupos, um por cada capítulo, que criaram e trabalharam o carácter pioneiro que Machico assumiu na descoberta e povoamento da Madeira e na própria História da Expansão Portuguesa. 
Para a criação e desenvolvimento d’”O Desembarque”, refira-se que foram apresentadas aos alunos diversas técnicas, estilos e imagens, que lhes permitissem construir uma narrativa que aproveitasse as potencialidades expressivas da Banda Desenhada, como veículo de manifestação da criatividade, numa associação à investigação histórica, já que foi necessário, para a elaboração deste projeto, pesquisar referências para vestuários, acessórios e construções da época.
De igual modo, os alunos, no desenvolvimento dos três capítulos desta coleção, utilizaram estilos e técnicas diferentes: marcadores, aguarelas, tinta-da-china e lápis de cor, tendo, inclusivamente, sido disponibilizado material didático de criadores de BD de referência como Scott McCloud ou Michael Avon Oeming.
Durante o processo criativo e de desenvolvimento deste projeto, cuja publicação se integra nas celebrações dos 600 Anos do Descobrimento das Ilhas da Madeira e Porto Santo, a Secretária Regional do Turismo e Cultura acompanhou um destes momentos formativos práticos em contexto de sala de aula.


Anexos

Descritores