Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Madeira cumpre grande ambição do Padre Laurindo

Presidente do Governo assinala facto de as crianças madeirenses e porto-santenses viverem hoje numa sociedade mais coesa e mais justa 12-02-2020 Presidência
Madeira cumpre grande ambição do Padre Laurindo

O Presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque, esteve presente terça-feira, 11 fevereiro, no lançamento de “O Pai Laurindo”, obra infantil, editada pela Fundação Salesianos, com texto de Graça Alves e ilustrações de Sílvia Marta, em memória daquele que deu início à Escola Salesiana de Artes e Ofícios – Pe. Laurindo Pestana – em outubro de 1950.

Na ocasião, o Chefe de Governo indicou tratar-se de um livro “muito importante” em termos pedagógicos, na medida em que vinca que a iniciativa e a vontade mudam a realidade – atraso, pobreza e iniquidade –, trazendo melhoria à vida das pessoas.

“Acho que neste momento nós honramos aquilo que era provavelmente a grande ambição do Padre Laurindo”, apontou Miguel Albuquerque.

“Termos uma sociedade mais coesa, mais justa, onde as nossas crianças são ajudadas”, continuou.

O livro “O Pai Laurindo” corresponde a um imperativo dos Salesianos de recordar, sobretudo às novas gerações o benemérito Padre Laurindo Pestana no ano em que se assinalam os 70 anos da Escola Salesiana de Artes e Ofícios.

A obra, editada pela Fundação Salesianos, tem como personagem principal um avô que, ao buscar o seu neto à atual escola salesiana, recorda a infância de menino pobre e com fome, mas bafejada pela sorte de encontrar o Pe. Laurindo, que lhe ensinou um ofício e se fez homem.


Anexos

Descritores