Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Poderá consultar a nossa Política de Privacidade aqui.
Pesquisar

Pedro Ramos destaca a transformação digital na Saúde

Aos recém-licenciados o governante falou sobre os novos desafios que se colocam à área da Saúde nos próximos anos, e para os quais estes novos profissionais devem estar preparados. "A Inteligência Artificial e toda a componente do Digital serão o futuro da Saúde". 29-07-2022 Saúde e Proteção Civil
Pedro Ramos destaca a transformação digital na Saúde

O secretário regional de Saúde e Proteção Civil, Pedro Ramos, presidiu, no dia 29 de julho, à cerimónia de entrega de diplomas aos estudantes finalistas do Curso de Licenciatura em Enfermagem da Escola Superior de Enfermagem São José de Cluny (ESESJCluny), realizada nas instalações da Escola. Na ocasião o governante falou sobre a transformação digital que está a ser projetada para a Saúde na Região Autónoma da Madeira e desafiou os novos enfermeiros a investirem neste novo paradigma.

 

Pedro Ramos, felicitou os 37 enfermeiros finalistas pela conclusão da sua licenciatura e reiterou a disponibilidade de acolhimento no Serviço Regional de Saúde “o Serviço Regional de Saúde está disponível para acolher todos estes profissionais que concluem agora a sua formação, os 37 enfermeiros finalistas da ESESJCluny, bem como os 29 recém-licenciados do Curso de Enfermagem da Universidade da Madeira”.

 

Ao todo, são 66 os finalistas de enfermagem que concluíram a sua formação nas duas Instituições de Ensino Superior da RAM este ano, mas, de acordo com o governante “será aberto um concurso com um número de vagas superior a este, acessível a todos os interessados em integrar o Sistema Regional de Saúde, como por exemplo outros profissionais que fizeram a sua formação fora da Região”.

 

Na RAM a taxa de empregabilidade dos profissionais de enfermagem é de 100%, em resultado das políticas e estratégias adotadas, com cada vez “maior investimento na valorização e capacitação dos profissionais”.

 

Aos recém-licenciados o governante falou sobre os novos desafios que se colocam à área da Saúde nos próximos anos, e para os quais estes novos profissionais devem estar preparados. "A Inteligência Artificial e toda a componente do Digital serão o futuro da Saúde".

 

Referiu inclusive que muitos destes recursos de Inteligência Artificial já estão a ser aplicados na área da Saúde, nomeadamente na área clínica, nas cirurgias, na enfermagem, nos processos administrativos, entre tantos outros processos.  "O Serviço Regional de Saúde desenvolverá no futuro os quatro eixos que irão permitir a Segurança e a Qualidade da prestação dos cuidados aliado à humanização dos serviços. Devemos estar preparados para os desafios futuros", disse.