Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

Governo investe mais de meio milhão na recuperação de reservatórios para levar mais água aos agricultores 

Esta recuperação do tanque decorre no âmbito de uma intervenção mais vasta, em 14 reservatórios, que integram os sistemas públicos de rega sob gestão da ARM, nos concelhos de Machico, Santana e São Vicente. Um investimento de mais de meio milhão de euros, cofinanciado a 85% pelo PRODERAM e 15% pelo Governo Regional. 21-07-2021 Ambiente, Recursos Naturais e Alterações Climáticas
Governo investe mais de meio milhão na recuperação de reservatórios para levar mais água aos agricultores 

O Governo Regional, na sequência da intempérie de 25 de dezembro, investiu 3.7 milhões de euros em obras e limpezas na Ponta Delgada, fez saber a secretária regional do Ambiente, Recursos naturais e Alterações Climáticas, Susana Prada, hoje, durante a visita à obra do Reservatório das Fontes. A empreitada de recuperação dos reservatórios foi iniciada a 12 de julho e prevê-se que esteja concluída durante o mês de agosto. «Foram contruídos 3 novos reservatórios para melhorar as condições de fornecimento de água aos agricultores. Além do canal, no período de verão, os regantes contam com a água dos reservatórios para reforço da rega», sublinhou a governante.


Assim, Susana Prada, acredita que já neste verão, os regantes da Ponta Delgada terão maior disponibilidade de água para o regadio, até porque a precipitação durante este ano tem apresentado níveis médios e os investimentos do Governo Regional nas redes começam também já a dar os seus frutos.

 

Esta recuperação do tanque decorre no âmbito de uma intervenção mais vasta, em 14 reservatórios, que integram os sistemas públicos de rega sob gestão da ARM, nos concelhos de Machico, Santana e São Vicente. Um investimento de mais de meio milhão de euros, cofinanciado a 85% pelo PRODERAM e 15% pelo Governo Regional.


As 14 intervenções consistem na substituição das infraestruturas atuais, com intuito de melhorar as condições de fornecimento de água aos regantes dos referidos municípios, bem como o reforço da segurança das respetivas infraestruturas.
A ARM é responsável pela gestão dos sistemas públicos de regadio da região que consistem em mais de 2800 quilómetros de canais de transporte de água, 136 reservatórios de água de rega e 3 lagoas.


Anexos

Descritores