Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.
Pesquisar

ALi e a Leitura

Este jogo foi desenvolvido pela Divisão de Acessibilidade e Ajudas Técnicas e tem como objetivo desenvolver um conjunto de competências que estão na base da leitura, nomeadamente a consciência fonémica, a fonética, a fluência, o vocabulário e a compreensão. Algumas atividades possuem pistas visuais ou auditivas que facilitam os processos da leitura: descodificação e compreensão. 08-01-2021 Direção Regional de Educação
ALi e a Leitura

Olá, eu sou a ALi! Aqui ao lado temos atividades e jogos on-line para ti. Clica na secção Anexos e encontras: Puzzles, Sequências e outras atividades.


Vem jogar e aprender!

 

No percurso escolar e vida em geral, a leitura e escrita são processos imprescindíveis para a aprendizagem e compreensão do meio que nos rodeia.

Para Citoler (1996, cit. in Cruz, 2005), ler e escrever são atividades complexas e envolvem o domínio simultâneo do reconhecimento e produção de palavras escritas (descodificação leitora e codificação escrita), e a compreensão e produção de textos (compreensão leitora e composição escrita). Neste sentido, ler e escrever implicam processos recetivos e expressivos (o aspeto recetivo da linguagem escrita é a leitura, e o aspeto expressivo é a escrita). Estes processos funcionam de forma complementar e dependem da função verbal que integra mecanismos auditivo-visuais (escrita) e visuo-auditivos (leitura) (Fonseca, 1984 cit. In Cruz, 2005). Assim, considera-se que a aprendizagem da leitura e da escrita integram a linguagem ao nível da receção e expressão, sendo interativas e dependentes entre si (Rebelo, 1993 cit. in Cruz 2005).

Os jogos “ALi e a Leitura” e “ALi e a Escrita” apresentam um conjunto de atividades que promovem o desenvolvimento de competências que estão na base da leitura e escrita, nomeadamente (Cruz, 2005):

- Consciência fonológica – pensar nas palavras como uma sequência de fonemas (sons), envolvendo a habilidade para ouvir e criar rimas, brincar com os sons da linguagem, dividir as palavras em sílabas e as sílabas em fonemas;

- Correspondência grafema-fonema - relação previsível existente entre as letras da linguagem escrita e os sons da linguagem falada;

- Fluência - com a possibilidade de se treinar a leitura das palavras, frases e textos, de um modo correto, preciso e rápido;

- Vocabulário – alarga o leque de conhecimento de diferentes palavras, que permitem conhecer o seu significado e comunicar de um modo efetivo;

- Compreensão – coloca à prova a habilidade para entender e retirar o significado do que foi lido;

- Codificação – transformar em símbolos a linguagem falada, através da complementação e formação de palavras;

- Composição – organização e formação de uma frase ou texto de uma forma lógica e compreensível.

Este jogo foi elaborado pela psicomotricista Glória Pereira e revisto pela restante equipa da Divisão de Acessibilidade e Ajudas Técnicas com a finalidade de demonstrar a versatilidade do software de edição no âmbito referido.

 

Bibliografia:
Cruz, Vítor (2005) - Uma abordagem cognitiva às dificuldades na leitura: avaliação e intervenção. Tese de Doutoramento. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana.