Este site utiliza cookies para uma melhor experiência de navegação. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies aqui.

Obra na Escola Básica e Secundária do Porto Santo concluída em 2019

O vice-presidente do Governo Regional, Pedro Calado, visitou, esta segunda-feira, as obras reabilitação da Escola Básica e Secundária do Porto Santo, uma intervenção que representa um investimento de 4,7 milhões de euros e que deverá ficar concluída em julho do próximo ano. 17-12-2018 Vice-Presidência
Obra na Escola Básica e Secundária do Porto Santo concluída em 2019

O projeto tem em consideração uma grande valorização ao nível da construção sustentável, por intermédio da aplicação de soluções e técnicas eficientes energeticamente e duradouras, em harmonia com o meio onde se inserem, garantindo por outro lado o conforto da comunidade escolar, sem custos de exploração acrescidos.

A reabilitação integral dos edifícios que é proposta vai muito para além de uma mera intervenção estética, além de claras vantagens económicas, permite um impacto muito menor em termos de resíduos da construção, com evidentes vantagens ambientais.

Esta infraestrutura escolar localizar-se-á no terreno onde funciona a atual escola, que tem uma área de 17.000 metros quadrados, sendo um dos espaços exteriores escolares da Região Autónoma da Madeira com mais área de pátios e jardins.

Este complexo irá abranger os espaços necessários para assegurar a frequência dos alunos do Básico do 2.º e 3.º Ciclos e do Secundário da atual escola do Porto Santo.

O edifício escolar tem uma ampla extensão em planta, desenvolvendo-se em cinco blocos, sendo que três deles têm dois pisos.

Para além do volume principal subdividido em três blocos, existe ainda o corpo do ginásio que se localiza a poente e o corpo do refeitório e serviços de apoio. Interligando todo este conjunto existe uma zona de recreio coberto.

As fases de construção serão duas: numa primeira fase, serão remodelados o bloco 3 (salas de aula) e o bloco 5 (ginásio) e será construído um novo polidesportivo. Na 2ª fase serão remodelados os blocos 1 (conselho executivo, secretaria, salas de aula), 2 (salas de aula) e 4 (cozinha e bar/refeitório).